Colaboração com os profissionais de saúde

Como é que a Bayer trabalha em conjunto com os profissionais de saúde?

Os profissionais de saúde e a indústria colaboram em várias atividades de investigação pré-clínica, desenvolvimento clínico, assim como prática clínica e resultados nos doentes.

Como principal ponto de contacto com os doentes, os profissionais de saúde proporcionam um conhecimento inestimável e especializado sobre os resultados nos doentes e sobre a gestão das doenças. Tal facto desempenha um papel fundamental na otimização dos nossos esforços para melhorar os cuidados prestados aos doentes, as opções de tratamento e os resultados nos doentes.

Exemplo de colaboração 1: Ensaios clínicos
Os doentes necessitam dos medicamentos adequados

 

Os doentes apenas podem beneficiar verdadeiramente do enorme e inestimável conhecimento médico que existe em todo o mundo quando os nossos especialistas internos trabalham em estreita colaboração com investigadores externos e profissionais de saúde. É nossa convicção que a utilização conjunta deste conhecimento nos ajudará a compreender melhor as principais doenças e a desenvolver medicamentos melhores mais rapidamente. O médico assistente e outros profissionais de saúde realizam ensaios clínicos em centros de estudo em conformidade com o protocolo do estudo clínico aprovado pelas autoridades de saúde, comissões de revisão institucional e comissões de ética. Assim, são o elo principal com os doentes que participam nos ensaios e são responsáveis pela recolha de dados. O conhecimento e o tempo proporcionados pelos profissionais de saúde e pelas organizações de saúde durante um ensaio clínico precisam de ser compensados.

Saiba mais sobre ensaios clínicos mais

 

Exemplo de colaboração 2: Apoio à formação dos profissionais de saúde
Os doentes necessitam que os médicos estejam bem informados

A Bayer desenvolve medicamentos inovadores. Os novos tratamentos têm que ser apresentados e explicados aos profissionais de saúde para garantir a sua utilização responsável. Para tal, apoiamos a formação dos profissionais de saúde em congressos e ações de formação. Isto contribui para garantir que os profissionais de saúde tenham acesso às mais recentes investigações na área médica e, como tal, poderem prescrever a melhor opção de tratamento para os seus doentes. Só assim poderemos cumprir o nosso compromisso de apoiar a utilização correta dos nossos novos tratamentos. Os eventos científicos são apenas um dos muitos recursos para a formação dos profissionais de saúde.