29 Abril 2015

Iniciativa pioneira assinala mês do coração dos animais

A Bayer HealthCare assinala pioneiramente o mês de Maio, mês do coração também para os nossos animais, e aconselha-o a estar informado e a ficar alerta para a “doença do verme do coração”. Maio, mês do coração animal será daqui para a frente uma efeméride a recordar, principalmente numa época tão propícia ao desenvolvimento da Dirofilariose.

Lisboa, 29 de Abril de 2015 – Com as temperaturas a subir, durante a Primavera e com a chegada do Verão, existe uma maior prevalência de mosquitos que, tendencialmente, proliferam nas alturas em que as temperaturas médias anuais são mais elevadas. Esta é também uma época em que aproveitamos para dar mais passeios ao ar livre com os animais.

A conjuntura destes dois fatores desencadeia condições mais favoráveis ao risco de infeção por doenças transmitidas por parasitas, nomeadamente a Dirofilariose, uma doença parasitária grave que pode afetar cães, gatos e até animais exóticos, como o furão. A Dirofilariose, também chamada de “doença do verme do coração”, é uma patologia grave provocada por um parasita, que dá pelo nome de Dirofilaria immitis, e que é transmitido através de um mosquito para a circulação sanguínea.

Os animais de companhia são infetados quando um mosquito com larvas infetantes os pica, colocando as larvas sob a pele juntamente com a saliva. As larvas desenvolvem-se na pele e depois migram através dos vasos sanguíneos e alojam-se no coração, alimentando-se e reproduzindo-se. As novas larvas viajam pelo sangue, sendo ingeridas por mosquitos através da picada e, consequentemente, estes insetos poderão infetar outros animais aquando da sua próxima “refeição”.

Consoante o grau de infestação e a espécie do animal, estes parasitas poderão provocar uma redução considerável da função cardíaca, dificuldades respiratórias, perda de peso e de apetite, tosse crónica, vómitos e até taquicardias.
Em Portugal, a incidência da Dirofilariose é bastante elevada em determinadas zonas devido à ocorrência de temperaturas mais elevadas, favoráveis à propagação da doença que, apesar de poder afetar o Homem, são raros os casos e nunca com transmissão direta do animal para o Homem.  

Joana Nogueira, Médica Veterinária e Product Manager da Bayer Saúde Animal Portugal, aconselha os donos dos animais de quatro patas a protegê-los contra estas doenças, sendo que a melhor forma é a prevenção através da aplicação regular de medicamentos antiparasitários. “Hoje é possível evitar a Dirofilariose com medicação adequada e de fácil aplicação (ex: spot-on) que pode no entanto, ser reforçada com a utilização de repelentes de forma a reduzir o risco dos animais serem picados pelos mosquitos. Além disso, evitar os passeios ao início da noite e as zonas de águas estagnadas são algumas das medidas preventivas à infeção destas doenças”, acrescentou a médica veterinária.

Sobre a Bayer HealthCare

O Grupo Bayer é uma empresa global com competências centrais nas áreas da saúde, agricultura e materiais de alta tecnologia. A Bayer HealthCare, um subgrupo da Bayer AG com vendas anuais de mais de 20,0 mil milhões de Euros (2014), é uma das companhias inovadoras líderes mundiais na indústria dos cuidados de saúde e de produtos médicos e está sediada em Leverkusen, na Alemanha. A empresa combina as actividades globais das Divisões Saúde Animal, Consumer Care, Medical Care e Pharmaceuticals. A Bayer HealthCare tem como objectivo descobrir, desenvolver e fabricar produtos que venham a melhorar a saúde humana e animal em todo o mundo. A Bayer HealthCare emprega 60.700 pessoas (31. Dez. 2014) e está representada em mais de 100 países.